Sexta-feira, 26 de Novembro de 2010

Deixa-me ir...

 

  

Vou seguir em frente...

Chega!

Ouço-te mas não te encontro.

Quero-te tanto que parei no desconhecido mas não te dás a conhecer apenas a tua voz.

A tua voz! Oh doce voz...

Faz-me lembrar teu olhar,

Teus lábios dóceis que me arrastam a continuar a tua espera, ou melhor, a não continuar,

A parar no tempo até voltares...

Disses-te que vinhas mas nada...

Apenas ouço a tua voz mas de ti...

Chega! Pára!!

Se não vens , se desistis-te de tudo o que outrora me disseras liberta-me...

Tira-me estas algemas de esperança,emoção, dor e deixa-me ir...

  

By Blueye

 

 


blueye às 20:47
| Comenta
|

mais sobre mim...

pesquisar

 

meus últimos posts

Deixa-me ir...

arquivos

Novembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

tags

todas as tags

subscrever feeds